8 de dezembro de 2022

Mercado de mídia e entretenimento deve crescer 20% até 2025

Soluções digitais como transmissão on-line, produção 4K e nuvem fomentam empresas de audiovisual

O mercado audiovisual está se reestabelecendo após os primeiros anos de pandemia de covid-19. No lugar de inúmeras produções suspensas, o fôlego se recupera.

De acordo com a Agência Nacional de Cinema (Ancine), desde dezembro de 2021, já foram destinados R$ 873,2 milhões para a atividade audiovisual, de um total de R$ 1,27 bilhão aprovados nos Planos de Ação 2021 e 2022.

Entretanto, no período de isolamento social, a transformação digital foi acelerada em toda a cadeia do audiovisual. Esse crescimento contínuo trouxe um respiro para a indústria como um todo.

A pesquisa global de Entretenimento e Mídia da PwC, empresa referência em consultoria e auditoria no mundo, apontou que esse mercado deve crescer 4,7% até 2025 no Brasil.

O aumento da conectividade mostrou a tendência de modelos de baixo custo, especialmente na modalidade de SaaS (Software as a Service). É o que releva Iuri Jainan, CEO da Viddium, empresa revendedora de algumas das maiores marcas de equipamentos de áudio, vídeo e broadcast do mundo.

Bitrix24

Com Bitrix24 https://br24.io você tem todas as ferramentas essenciais para o seu negócio em uma só plataforma totalmente integrada aos melhores crms do mercado em 2022

Com Bitrix24 você tem todas as ferramentas essenciais parao seu negócio em uma só plataforma totalmente integrada aos melhores crms do mercados

“Essas novas modalidades têm crescido muito e dão a oportunidade de os consumidores comprarem menos equipamentos, mas terem todos os benefícios dos produtos, por meio de assinaturas por nuvem. Temos diversas marcas apostando nesse tipo de assinatura, que tem dado muito certo”, reforça.

A Viddium foi uma das marcas expositoras do Set Expo, o maior evento de tecnologia e negócios de mídia e entretenimento da América Latina.

A empresa levou dos parceiros para o estande as soluções mais inovadoras de equipamentos de ponta e também para produção, transmissão, automação e distribuição de conteúdo on-line e/ou remota.

Iuri Jainan, CEO da Viddium e Daniel Jobabi, Gestor Comercial da Viddium

“A feira este ano foi muito positiva. Foi o momento de reencontrar nossos parceiros, fabricantes e clientes e de estreitar ainda mais a relação com todos eles. Para quem ainda não conhecia as novidades do setor audiovisual, foi uma chance especial de conhecer de perto o que tem de mais inovador no setor. Ficamos muito felizes com a receptividade dos participantes e o entusiasmo de todos pelo reencontro e pelas perspectivas de novas relações”, disse Jainan.

Entre as empresas parceiras presentes, estava a Datavideo, que apresentou a novidade da caixa BB-1. O dispositivo possibilita múltiplos fluxos de trabalho de produção remota, em qualquer lugar do mundo, utilizando a plataforma dvCloud, portanto, não requer nenhuma configuração de rede ou firewall.

“A câmera que está produzindo este evento está em nosso escritório em Los Angeles (EUA). Daqui, da feira, em São Paulo, consigo controlar a câmera e as funções Pan, Tilt e zoom. A produção remota é uma tendência que vai impactar positivamente nosso futuro e isso a Viddium está conseguindo integrar e mostrar o produto final”, destaca Ricardo Santos, representante da marca.

Outra solução apresentada foi a tela de toque multicanal modelo KMU200. O aparelho permite os usuários fazerem cortes de vídeos e outros controles, por meio de touch screen (tela sensível ao toque). O aparelho também possibilita o movimento de pinça e dar zoom na tela.

Roger Lima, Consultor Técnico em Vendas da Viddium

A Canon Brasil, marca também representada pela Viddium, apresentou aos clientes e visitantes a câmera XF605. O equipamento chegou ao mercado com excelente custo-benefício, leve, prática e fácil de encontrar as funções, com zoom 15x e design com três anéis de controle de lente independentes: foco, íris e zoom.

A compra de equipamentos como câmera exige atenção a alguns detalhes, e um dos momentos mais importantes é quando o consumidor segura uma câmera para ver suas configurações, algo que não acontecia desde 2020.

“Esse momento é muito importante porque voltamos a ver pessoas podendo tocar nos equipamentos, o que há três anos não existia”, comemora Yuri Nieto, executivo de vendas na Canon Brasil.

Outras marcas como Teradek e SmallHD, representadas pela Viddium, também levaram algumas de suas inovações. Entre os destaques estão o Prism Mobile, o primeiro produto encoder portátil 4K e HDR, desenvolvido pela Teradek.

“Os aparelhos são o leves e eficientes, com a possibilidade de fazer um bom panorama”, destaca Jefferson Pichinte, representante da Teradek e SmallHD.

Outra inovação que Jefferson destaca é o monitor de produção com qualidade de imagem 4K. O equipamento combina a experiência de visualização de imagem pós-produção em ultrarresolução e HDR com a produção robusta necessária para ambientes físicos. Além disso, os aparelhos conseguem descompactar os conteúdos sem causar nenhum delay.

Para Jefferson, participar da feira no espaço da Viddium trouxe excelentes resultados.  “O Set Expo 2022 nos deu a possibilidade de conversar com clientes qualificados e entender os problemas para resolver as reais demandas. Somos gratos à Viddium por participar desse importante evento junto a eles”, finaliza Jefferson.

Expectativa de mercado

Para o CEO da Viddium, as novas soluções na área do audiovisual estão deixando os players do setor mais otimistas. “A qualidade tem se tornado um critério fundamental para os produtores desse mercado da transmissão e produção. Por isso, a procura por equipamentos e serviços que oferecem 4K e produção em nuvem tem se tornado mais frequentes. Então, acredito que esses equipamentos estarão ainda mais populares no mercado”, conclui.

Saiba mais sobre a Viddium:  https://www.viddium.com.br