7 de agosto de 2022

8 dicas de planejamento de marketing digital para obter boas KPI’s

Para cada planejamento de marketing digital de uma empresa, é necessário acompanhar o sucesso de cada métrica estipulada para avaliar a efetividade da ação criada.

Quando um empreendedor, em conjunto com a equipe responsável pelo marketing digital, não está acompanhando os esforços empreendidos, nunca saberá se tudo está nos trilhos. 

É nesse ponto que os KPIs (Key Performance Indicator), ou indicadores-chave de desempenho, são identificados e se mostram fundamentais para o desenvolvimento do negócio.

Os KPIs ajudam a equipe a medir as métricas mais importantes para a empresa, conforme as finalidades de atendimento ao mercado, para que se possa crescer e atender da melhor forma possível ao público consumidor. 

O que é um  KPI de marketing digital?

Um KPI é uma medida quantificável, ou métrica, que pode ser usada para avaliar algum aspecto do desempenho e das atividades de marketing de uma empresa que trabalha com gerenciamento de riscos, entre outros setores produtivos.

Os indicadores-chave de desempenho podem estar relacionados a qualquer parte do negócio, desde o desempenho dos funcionários até as vendas. 

Nesse contexto, os KPIs de marketing digital são métricas que estão diretamente ligadas à estratégia de marketing digital, como:

  • Crescimento de vendas;
  • Geração de leads;
  • Reconhecimento da marca;
  • SEO (Search Engine Optimization).

Esses KPIs podem ser utilizados para avaliação das ações em vários tipos de ferramentas e plataformas, como as redes sociais, anúncios pagos, ou PPC (Pay Per Click), ferramentas de análises da internet e de conversão de leads e as ferramentas dedicadas a equipes. 

8 dicas de planejamento de marketing digital

Para saber quais os KPIs que podem ser inseridos dentro de um planejamento de marketing digital, seja ele para escritórios de arquitetura ou um e-commerce de roupas e artigos para bebês, é preciso antes estabelecer quais os objetivos do negócio. 

Isso porque os KPIs devem se relacionar diretamente como os marcos importantes para que essa meta seja alcançada de forma efetiva.

Ou seja, é preciso saber quais proporcionarão a identificação de informações importantes para a tomada de decisão do negócio e para aplicar melhorias aos fluxos de contato e campanhas criadas.

Por isso, os 8 KPIs a seguir vale como dica e orientação quanto às principais análises possíveis para promover a inserção dentro de um planejamento de marketing digital. 

Vale ressaltar, entretanto, que há outros KPIs que podem servir para mensurar seus resultados, mas os apresentados são bastante importantes.

  1. Custo por Aquisição

Quanto cada novo cliente custa à empresa em termos de orçamento de marketing? A empresa está gerando receita e lucro? É isso que o KPI de custo por aquisição pode mostrar.

Para calcular o custo por aquisição, a empresa de assessoria contabilidade, por exemplo, precisa pegar o valor total gasto para adquirir novos clientes por meio de um canal específico e dividi-lo pelo número de novos clientes. 

O resultado mostrará quanto está custando à empresa adquirir cada novo cliente. Ou seja, considera a publicidade e se o valor despendido é efetivo.

  1. Custo médio por lead

Além de calcular o custo por aquisição, também é possível descobrir quanto cada lead está custando. 

Se não estiver convertendo esses leads, pode haver um problema com a estratégia de vendas e não com sua estratégia de marketing. 

O custo médio por lead varia de setor para setor, por isso vale a pena descobrir o custo médio conforme as áreas que o consumidor se relaciona e que impactam na conversão e fidelização.

Para calcular o custo por lead, pegue a quantia de dinheiro que se gastou em uma campanha e divida-a pelo número de leads gerados. 

  1. Conversão de Leads

Quão fortes são as equipes de marketing e vendas na conversão de leads em vendas reais? Se empresas de segurança patrimonial contam com muitos leads, mas poucos estão se tornando clientes pagantes, pode haver um problema em como se tenta fechar a venda.

Para calcular, é preciso pegar o número de leads que foram convertidos em vendas e dividir pelo número total de leads.

Posteriormente, é necessário multiplicar esse número por 100. Esse cálculo fornecerá a porcentagem de conversão de leads.

  1. Relação entre tráfego e lead

A empresa está aproveitando ao máximo o tráfego na internet?

Para avaliar isso, é preciso pegar o número total de visitantes que o site tem e o número de leads que se gera a partir do site para encontrar a proporção do tráfego gerado e do poder de conversão das páginas.

Por exemplo, se a empresa recebe 1.000 visitas no site por mês e gerar 100 novos leads, ela terá uma proporção de tráfego para lead de 10:1 e uma taxa de conversão de 10%. 

  1. Engajamento nas redes sociais

Talvez o mais importante dos KPIs de marketing de rede social estejam relacionados às pessoas que estão se envolvendo com o conteúdo que se publica. A empresa precisa aprender a criar um conteúdo envolvente e interativo, identificando os tópicos de interesse do seu público.

Medir o engajamento nas redes sociais é fácil. Siga estas etapas para descobrir como sua estratégia está indo, servindo para diferentes plataformas:

  1. Fixe um período para fazer um relatório;

  2. Descubra quantas curtidas, compartilhamentos e comentários têm;

  3. Divida o número pelo número total de seguidores;

  4. Multiplicar por 100.

Isso fornece a porcentagem total de seguidores que estão engajados com o conteúdo. Quanto mais alto, melhor está a adequação em relação aos interesses dessa audiência.

  1. Taxa de cliques de e-mail

Os clientes da empresa de engenharia civil estão se envolvendo com os e-mails promocionais e de marketing que são enviados? 

Para resolver isso é preciso pegar o número de cliques gerados a partir de um e-mail de marketing e dividir pelo número total de e-mails enviados, multiplicando o resultado por 100. 

Digamos que um e-mail enviado para 10.000 contatos obteve 1.000 cliques. Nesse caso, a porcentagem de cliques foi de 10%. Com isso, é possível avaliar o interesse e a força dos contatos feitos.

  1. SEO 

O SEO, ou otimização do motor de busca, é essencial para qualquer planejamento de marketing digital.

A única métrica que pode realmente acompanhar o desempenho do site em relação à prática de SEO é o ROI (Return Over Investiment), o retorno sobre investimento, por meio da geração de receita ou aumento de tráfego, em alguns casos.

Existem três propósitos principais de qualquer campanha de SEO, que trata de visitas ao site, a conversão e a geração de receita. Geralmente nessa ordem.

Uma maneira eficaz de avaliar o sucesso da campanha é mapear a receita gerada como resultado das duas etapas anteriores, ou seja, a visita e a conversão.

Portanto, a conclusão é que, a partir de uma combinação de atividades de SEO on page e off page, se pode gerar um KPI projetado.

  1. Criação de links de entrada

Quanto mais links de entrada direcionar o tráfego para um site de outras fontes digitais, melhor. se pode usar várias ferramentas de SEO diferentes, o que deve aumentar ativamente esse número.

Uma maneira de fazer isso é criar postagens de convidados de alta qualidade para outros blogs de empresas de manutenção de elevadores que direcionam os usuários de volta ao site empresarial ou corporativo. 

Seja qual for o método escolhido, é importante tentar criar mais links de entrada, pois esse é um dos critérios que o Google usa para classificar um site nos resultados de pesquisa.

Como funciona o KPI no Inbound Marketing?

Independentemente do setor, marca ou público, existem quatro estágios básicos da metodologia do inbound marketing:

  • Atração;
  • Conversão;
  • Vendas;
  • Retenção.

No primeiro ponto, é preciso fornecer conteúdo útil, por meio de site ou blog otimizado para os termos que seu público-alvo está procurando.

A conversão se dá utilizando linguagem acionável e frases de chamariz, tornando possível converter os visitantes em leads. 

O processo de conversão acontece quando o visitante dá permissão para registrar o endereço de e-mail ou outras informações de contato em troca de algo de valor, como um guia em PDF ou outra oferta de conteúdo, tutorial de webinar ou consulta gratuita.

Já as vendas são um processo de transformação de leads em clientes, seja nutrindo-os com e-mail marketing, conteúdos valiosos e, finalmente, conversas sobre a aquisição de bens de consumo e serviços.

Contudo, é importante ressaltar que a venda não é o último ponto desse relacionamento.

Isso porque, para se manter em atividade, é preciso fazer com que os novos clientes de uma empresa de ar condicionado, por exemplo, voltem a fazer uma compra, ou então possam indicar para terceiros, seja no marketing boca a boca ou nas redes sociais. 

Por isso, é preciso continuar fornecendo um atendimento excepcional ao cliente, e certificar de que a experiência com a empresa seja qualificada a ponto de desejarem recomendar a todos que conhecem.

As táticas de inbound marketing incluem todo o processo de relacionamento e contato, desde marketing de conteúdo e redes sociais até SEO técnico e otimização da experiência do usuário, e-mail marketing, vídeo e publicidade digital. 

Quaisquer que sejam os métodos específicos, o objetivo é fornecer valor aos clientes em potencial e desenvolver um relacionamento efetivo com eles, inclusive muito antes de fazerem uma compra, mantendo esse laço por muito tempo.

Isso permite recorrer aos KPIs apresentados anteriormente, facilitando a mensuração conforme se avança nas etapas do inbound marketing e otimizando a passagem pela jornada de compra, por exemplo, reduzindo os gargalos identificados com as métricas.

Conclusão

Rastrear as métricas de marketing na internet não é uma situação única. 

Afinal, verificar os dados e resultados uma vez não mostra valor ao longo do tempo e pode não trazer precisão sobre as informações necessárias para uma campanhas e um relacionamento de sucesso – ou seja, para desenvolver a marca.

Ser consistente no rastreamento de KPIs oferece o poder e a capacidade de mensuração e melhoria a longo prazo, com base na conscientização e dados obtidos, permitindo decisões mais ágeis e acertadas.

Com isso, antes de definir novas metas ou implementar uma nova estratégia ou campanha, realmente é preciso reservar um tempo para considerar se a empresa que vende desinfetantes hospitalares obteve respostas vantajosas nas ações anteriores para definir o sucesso ou o ajuste da campanha. Isso estabelecerá as bases para alcançar os objetivos.

Quando se está ciente do desempenho do marketing digital de uma perspectiva de métricas quantitativas, pode-se tomar melhores decisões informadas por dados. 

A análise de dados coletados em relação às métricas de desempenho, ou seja, os KPIs dentro de um planejamento de marketing digital, ditará todas as decisões que se precisa tomar sobre a mudança de esforços de publicidade futuros, melhorando o posicionamento geral da empresa.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Business Connection, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.