8 de dezembro de 2022

Marca mista: saiba tudo sobre ela

Marca mista é mais uma opção de registro de marca que os empreendedores encontram pelo caminho, mas na hora de registrá-la, as diferentes possibilidades levantam dúvidas e confundem os donos de empresas.

Na hora de registrar uma marca, essa opção surge como a principal questão, mas mesmo que o seu empreendimento seja uma marca mista, por isso, misture elementos diferentes, existem outros detalhes que você precisa conhecer.

Antes de falar especificamente sobre esse tema, é necessário entender a importância deste registro, pois somente por meio dele a empresa garante seu posicionamento e consegue até mesmo abrir uma franquia.

Além disso, é uma forma de ter acesso à proteção legal, permissão para licenciar o uso da marca, ter mais credibilidade no mercado, dentre outras vantagens que somente uma empresa registrada pode ter.

O ideal é que o registro seja feito assim que o empreendedor abre o negócio, mas para isso ele não deve se assemelhar a outros do mesmo ramo, ser uma novidade no mercado e não possuir impedimentos legais.

Neste artigo, o foco é explicar o que é marca mista, as vantagens de registrá-la e dar algumas dicas para criar seu logotipo. 

Entenda o conceito de marca mista

Antes de explicar o conceito de marca mista, vale a pena entender o que realmente significa uma marca. Trata-se de um composto, formado pelo nome e símbolo e capaz de distinguir as soluções de uma empresa de seus concorrentes.

Pense, por exemplo, nas marcas famosas que você conhece, e rapidamente vai perceber que consegue distinguir umas das outras, mesmo que elas vendam o mesmo tipo de produto ou serviço.

Quando uma empresa de limpeza pesada registra sua marca, ela é capaz de se destacar e ser facilmente identificada pelos clientes.

Isso é necessário para qualquer tipo de empresa, independentemente de seu tamanho ou segmento, pois dessa forma estará protegida e as pessoas não vão se confundir na hora de identificá-la.

Existem várias opções de registro, dentre elas o de marca mista, que conta com um elemento nominativo, formado por estilização visual e se caracteriza pelo estilo da fonte, cores e proporções.

É um tipo de registro importante para quem quer proteger o nome da marca em conjunto, pois com apenas um processo de registro, a organização protege seu logotipo e sua marca.

Vantagens da marca mista

Na hora de batizar produtos e serviços, o empreendedor precisa considerar diversos aspectos, como os mercadológicos e até mesmo os pessoais. 

Mas, quando se trata do registro da marca, o INPI (Instituto Nacional da Propriedade Industrial) faz uma análise técnica.

Isso quer dizer que uma empresa de conserto de celular deve se enquadrar nas condições impostas, de modo que a propriedade passe a ser reconhecida como marca mista, o que dá acesso a algumas vantagens.

Uma delas é o fato de não ser necessário registrar o nome e os símbolos separadamente, pois com 2 elementos juntos, a marca é reconhecida e tem garantia sobre os direitos de exclusividade.

Também estará protegida contra o uso indevido por terceiros, sendo estes pessoas ou empresas. Só que na hora de optar por esse tipo de registro, é necessário lembrar que a proteção só acontece se os 2 elementos (símbolo e nome) estiverem juntos ou estilizados.

Se quiser proteger e usar a marca tendo esses elementos separados, é necessário fazer outros tipos de registros.

Além disso, as chances de o INPI aprovar o registro são muito maiores, tendo em vista que uma das características da marca mista é fazer com que ela se distingue naturalmente de outras empresas.

Como criar logotipo de marca mista?

Para criar um logotipo de marca mista de sucesso, é necessário seguir algumas práticas importantes, dentre elas:

Entender a empresa

O logotipo será usado em absolutamente tudo, desde estratégias de marketing até na letra caixa em ACM que será usada na fachada do estabelecimento, por isso, pergunte-se o que a empresa faz e para quem ela faz.

Ao responder essas perguntas, fica mais fácil definir o DNA da marca e com isso criar o logotipo perfeito, capaz de alcançar o público certo e fazer com que as pessoas identifiquem o negócio rapidamente.

Busque compreender a personalidade e a energia da organização, pois uma financeira é muito diferente de uma loja de roupas infantis, por exemplo.

Ao unir todos esses elementos, o empreendedor descobre a essência do negócio e consegue criar algo que represente quem ele realmente é.

Priorizar a simplicidade

Um designer profissional sabe muito bem que a simplicidade é o melhor caminho. É muito mais fácil exagerar nos elementos, misturar as cores e prejudicar o significado da empresa. Mas, com um design simples, o logotipo será:

  • Marcante;
  • Fácil de entender;
  • Claro;
  • Bonito.

Também vai ficar mais fácil criar outros materiais, como wind banners, e se você observar as marcas mais famosas do mundo, vai perceber que seu logotipo é bem simples.

Conhecer a psicologia das cores

A cor é um elemento extremamente importante no logotipo, pois é capaz de transmitir uma mensagem para o público.

O preto transmite força, credibilidade e poder; já o verde traz sensação de urgência, fome e animação. O azul transmite profissionalismo, confiança e segurança; ao passo que o laranja confere energia e amigabilidade.

O amarelo pode estar presente em empresas dinâmicas, positivas e jovens, já o roxo é ideal para quem quer transmitir sabedoria, magia e imaginação.

O marrom está relacionado à natureza, confiança e estabilidade, enquanto o branco traz sensação de limpeza, frescor e facilidade.

As cores devem ser consideradas até mesmo no momento de escolher um endereço comercial virtual para a empresa e nada impede misturá-las, mas desde que combinem entre si e formem uma imagem atraente.

Para garantir a combinação das cores, o designer pode usar rodas de combinação para saber quais delas se complementam.

Despertar emoções

É muito importante despertar emoções para capturar a atenção da audiência, como no caso das empresas da área da saúde, que utilizam logomarcas com cores positivas, como verde e azul.

O uso de imagens alegres transmite contentamento e alegria, e todas essas emoções criam uma conexão profunda com o cliente. Pense no sentimento que sua empresa quer despertar nas pessoas.

Escolher uma boa fonte

Cada tipo de fonte tem uma característica diferente e transmite significados e sentimentos para o público.

Elas devem ser compatíveis com a marca e a melhor forma de conseguir isso é compreender o modo como seu cliente ideal pensa.

Por exemplo, um fabricante de garrafa squeeze personalizada precisa pensar no tipo de fonte mais compatível com a personalidade da empresa. Ela pode ser serifada tradicional, serifada egípcia, moderna ou com pés definidos.

Uma loja de roupas infantis pode utilizar fontes modernas e angulosas, pois isso cria uma imagem divertida e animada.

O maior erro do empreendedor é selecionar uma fonte incompatível com a identidade da marca, por isso, tenha certeza de que os sinais correspondem às características da clientela.

Lembrando que é muito importante ser original, pois o público está cansado de ver sempre a mesma coisa e acaba não se atraindo pelas empresas, mesmo que seus produtos e serviços sejam de ótima qualidade.

Priorizar a escalabilidade

O logotipo será usado nas estratégias de marketing, na fachada do estabelecimento, em documentos e até mesmo em brindes distribuídos para clientes e colaboradores, como no caso de uma agenda personalizada com logo.

Mas, ele precisa ser escalável para que possa ser redimensionado, afinal, pode ser empregado em locais diferentes.

Às vezes, se a imagem precisa ser impressa em elementos menores, como em canetas, ela pode ficar distorcida e imperfeita. Por isso, considere esse aspecto para que o logotipo possa ser usado em todo tipo de material.

Também é necessário que seja capaz de transmitir a essência da empresa, seus produtos e serviços, conversar com o público, ser simples, fácil de ser lembrado e incomum.

As cores precisam representar um negócio e assim formar um logotipo replicável ilegível em diferentes plataformas e tipos de mídia. Isso fará com que ele seja de fácil reprodução e vai destacar a empresa em meio aos concorrentes.

Considerações finais

Sendo assim, uma empresa de envelopamento automotivo cinza pode ser uma marca mista, se assim desejar. Esse tipo de registro protege o negócio e seu logotipo, fazendo com que seja único no mercado e reconhecido pelas pessoas.

Existem outras opções para registrar a marca, mas antes de escolher qualquer uma delas, analise o tipo de negócio e os objetivos que você tem para ele no futuro.

Mas, se realmente quer uma marca mista, seguindo nossas dicas, vai ficar muito mais fácil registrá-la e criar o logotipo perfeito.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.