8 de dezembro de 2022

O que é cross docking?

A logística foi uma área que evoluiu muito com o passar dos anos, ainda mais agora onde as vendas online ganharam força dentro do mercado e se tornaram a forma preferida de compras pela maioria das pessoas. 

Diversas tendências começaram a surgir dentro dessa área como a Produção Enxuta, por exemplo, afinal, nunca se cobrou tanto que uma empresa tivesse consciência de evitar desperdícios ao mesmo tempo que realizasse a entrega de um outsourcing de impressão em um tempo muito mais rápido. 

Devido a essa alta demanda e cobrança por parte do público que busca sempre otimizar serviços e querer que tudo funcione de maneira mais rápida e funcional, o crossdocking acabou surgindo dentro do mercado. Mas você já ouviu falar sobre esse termo? Sabe o que significa? No texto de hoje iremos abordar tudo sobre ele, então se prepare e bora conferir!

O que significa o cross docking?

O crossdocking é considerada uma das estratégias mais revolucionárias da área da logística, com o aumento de sites e vendas onlines, muitas pessoas passaram a encontrar soluções e metodologias para que o sistema de entrega fosse feito de forma muito mais rápida e otimizada, e é exatamente o que esse conceito fornece. 

Ele propõe a redução máxima ou até mesmo a eliminação de estoques dos itens comercializados por uma empresa principalmente no âmbito virtual, em uma tradução literal para o português, esse termo significa “cruzando as docas” e você já consegue ter uma noção melhor do porque esse nome. 

Ele sugere e executa uma metodologia de entrega sem a necessidade de ter um estoque, fazendo com que seja extremamente econômico já que não existe a necessidade de um local físico e muito mais rápido,  realizando a entrega dos produtos, como equipamentos de combate a incêndio de maneira quase instantânea. 

Como funciona o cross docking?

Se você ainda está confuso em entender como esse conceito funciona fique tranquilo que nós vamos te explicar, quando alguém compra um produto dentro do seu site, esse produto é despachado para o centro de distribuição ou para um armazém, dentro de um desses locais, o produto é expedido para o consumidor final de forma imediata, fazendo uma redistribuição de forma extremamente rápida. 

Essa é uma estratégia muito utilizada pelo e-commerce, justamente por não precisar ter um estoque físico, o produto é enviado de imediato, o que faz com que seu negócio não precise se preocupar com o armazenamento de produtos, tudo ocorre de forma muito mais rápida, eficaz e extremamente produtiva. 

O cross docking vale a pena? Devo mudar meu sistema logístico para essa estratégia?

Mesmo que, os negócios que mais utilizam o crossdocking sejam as lojas virtuais, muitas empresas físicas já começaram a adotar essa estratégia dentro do seu negócio, afinal, ela faz com que todo o processo logístico seja executado de forma muito mais barata e prática, reduzindo consideravelmente seus custos e tempo da operação. 

Os problemas com o armazenamento de produtos dentro de um estoque praticamente não acontece com o cross docking que trabalha sob demanda de acordo com aquilo que é vendido, não tendo mais aqueles problemas de deixar itens parados por muito tempo ou esquecidos dentro do seu estoque. 

Se você utiliza um sistema logístico antigo e padronizado pode ser o momento ideal de mudar sua estratégia e adotar o cross docking para comercializar seus discos de corte, os resultados podem te surpreender positivamente, mas antes de mudar, verifique se seus fornecedores e se todo o seu sistema está preparado para lidar com essa metodologia, afinal, a velocidade é crucial para que esse conceito seja bem executado. 

O que achou do texto de hoje? Já conhecia o cross docking? Comente abaixo o que achou sobre ele e não se esqueça de compartilhar com seus amigos caso tenha curtido, até a próxima!

Esse artigo foi escrito por Iago Lourenço, criador de conteúdo do Soluções Industriais.