7 de julho de 2022

Origem dos alimentos: gergelim é uma das sementes mais antigas consumidas pelo homem

Essa oleaginosa cheia de benefícios acompanha o ser humano há, pelo menos, 4.300 anos

Provavelmente, você conhece ou já tenha provado gergelim na sua vida, uma oleaginosa que é muito popular principalmente nas redes de fast food, e que possui diversas características benéficas para a saúde. Apesar de ser muito utilizado nos dias de hoje, o gergelim começou a ser produzido muito antes do que se imagina.

Existem registros afirmando que o gergelim começou a ser utilizado 4.300 anos antes de Cristo, na região da antiga Pérsia. Segundo o manual “500 perguntas e respostas sobre gergelim”, o cultivo apareceu primeiramente na Malásia e Indonésia, logo se expandindo para a região norte da África, como Etiópia, Sudão e Egito, chegando ao sul da Ásia pela Índia.

No Brasil, a semente chegou muito tempo depois, no século XVI, trazida por portugueses em comercialização com a Índia. Mesmo com a chegada tão precoce, a expansão do cultivo está muito maior nos dias de hoje, pois de 2010 a 2020, sua produção cresceu 20 vezes mais do que o normal.

A ascensão no cultivo do gergelim deve-se ao custo de produção, que é muito baixo, pois essa semente é resistente à seca; portanto, não são necessários investimentos altos em irrigação e lavoura. Trata-se de uma cultura de segunda safra, ou seja, pode ser interessante na substituição de um cultivo de milho, por exemplo, podendo ser chamado de “cultura em potencial”.

Com a agricultura brasileira se diversificando, a espécie tem sido cultivada principalmente no Nordeste, sendo uma boa opção para rotação com a soja, por conta desse fator de segunda safra. Ela é utilizada como tempero, e teve um crescimento considerável nos últimos anos.

O gergelim nos hambúrgueres é a forma mais famosa de uso da semente, sendo o maior destino da comercialização nesse setor. Ela em si pode ser consumida em forma de tempero, mas pode ser utilizada como um substituto da soja, e ser utilizada em produtos cosméticos e farmacêuticos, pois é rica em proteínas, vitaminas, além de ter propriedades antioxidantes.

Além dessas substâncias, o gergelim possui diversos benefícios para o corpo que seu nutricionista ou profissional que realizou graduação em medicina irá te instruir a consumir. O gergelim ajuda em problemas de osteoporose e reumatismo, pois possui cálcio, além de auxiliar quem sofre de crises nervosas, melancolia, insônia e perda de memória.

Ela também ajuda no desempenho sexual, pois com sua presença de vitamina E, aumenta a vitalidade, e para quem sofre com a falta de rendimento ou capacidade, tanto para o homem, quanto para a mulher.

Direto da Redação

Tudo em Um é um portal de notícia conceituado e de muito valor agregado quando o foco é informar e compartilhar conteúdos de extrema qualidade informativa. Tenha certeza de que está no Portal de notícias certo para consumir conteúdo de qualidade.

View all posts by Direto da Redação →